Tag Archives: pendrive

Instalar o Windows 7 Usando um pendrive

http://i376.photobucket.com/albums/oo205/guiaultimate/Windows7-2.png?t=1245038212Cansado de ficar gastando DVDs para instalar o Windows 7? Com esta dica simples você pode criar um pendrive bootável que permitirá que você instale o Windows 7 como se estivesse instalando do próprio DVD! Um método alternativo que facilita muito na hora de decidir formatar!

Já exclareço aqui que este tutorial é exatamente o que contém no site do Baboo, eu só postei aqui porque acho esse método mais simples para formatar o pc usando o Pendrive, Então quero deixar bem claro que os méritos são deles.

Antes de prosseguir, você precisará destes dois itens:

- o DVD de instalação do Windows 7
- um pendrive com 4 GB ou mais de capacidade

Se você já tem os dois, basta seguir os passos abaixo:

1- Insira seu pendrive em uma porta USB do computador.

2- Execute o prompt de comando como Administrador (no menu Iniciar, digite cmd, clique com o botão direito do mouse sobre ele e escolha Executar como Administrador):

35653 03 Instalar o Windows 7 Usando um pendrive

3- Com o prompt de comando abaixo, digite os seguintes comandos (pressione ENTER após digitar cada um deles):

diskpart (ENTER)
list disk (ENTER)

O pendrive e os HDs no computador serão listados. Neste exemplo, o número do pendrive é 3.

4- Agora digite os comandos abaixo, sempre pressionando ENTER após cada um deles:

select disk 3 (ENTER)
clean (ENTER)
create partition primary (ENTER)
select partition 3 (ENTER)
active (ENTER)
format fs=NTFS (ENTER)
assign (ENTER)
exit (ENTER)

Com isso seu pendrive será formatado e particionado.

5- Insira seu DVD do Windows 7 (ou do Windows Vista, caso você queira instalá-lo) no drive de DVD se seu computador.

6- Usando o prompt de comando, navegue até o diretório de boot do DVD (que neste exemplo é o drive D:\):

D:\
cd D:\boot

7- Use o bootsect para definir o pendrive (que neste exemplo é o drive G:\) como um drive bootável:

bootsect /nt60 g: (ENTER)

Depois disso, feche o prompt de comando.

8- Agora copie todo o conteúdo do DVD de instalação para o pendrive:

35653 01 Instalar o Windows 7 Usando um pendrive

35653 02 Instalar o Windows 7 Usando um pendrive
O pendrive depois de pronto e já com os arquivos copiados

9- Agora é só configurar a BIOS do seu computador para executar o boot via USB e pronto!

INSTALAR O WINDOWS XP NO NETBOOK ASUS EEE PC701 OU PC900 USANDO PENDRIVE

Instalando o Windows Xp no Asus EEE PC701 / PC900 ou outro usando um pendrive bootável.

É preciso fazer do pendrive um disco de boot. Para isto, proceder da seguinte maneira:

Tenha em mãos:

1-Pendrive de 1gb (ou superior);

2-Cd do Windows XP SERVICE PACK 2 (Se não for SP2, o pendrive será criado com sucesso, mas vai dar erro na hora da instalação. No meu caso, ficava dando erro de tela azul no arquivo “pci.sys”);

3-DVD que vem com o EEE PC701 OU PC900 para instalação dos drivers (há uma observação para este item no penúltimo parágrafo deste tutorial).

4-Os programas: PeToUSB, Bootsect e USB_PREP8.

http://www.baixaki.com.br/download/petousb.htm

http://www.2shared.com/file/2585881/5ad9ef68/bootsect.html

http://www.2shared.com/file/2581432/a65c092a/usb_prep8.html

Criando um PenDrive Bootável (Para instalação do Xp em qualquer computador, inclusive):

Crie uma nova pasta. Extraia para esta pasta o programa USB_PREP8;

Extraia o PEtoUSB dentro da pasta onde está o USB_prep8;
Insira o Pendrive que será formatado;
Execute o usb_prep8.cmd que está na pasta USB_prep8, criada anteriormente;
Na tela de prompt do MS-DOS que se abrirá, pressione Enter;
Na tela do PeToUSB que será aberta, configure conforme está na foto e clique em “Start” para formatar o pendrive. APÓS O TÉRMINO DEIXE A JANELA ABERTA;

Windows Xp no EEE

Irá aparecer uma mensagem perguntando se você confirma a formatação

Windows Xp no EEE

Windows Xp no EEE
NÃO FECHE O PETOUSB!

Abra outro prompt de comando e entre no diretório onde está o bootsect.exe. Execute o comando: “bootsect.exe /nt52 E:” , sem as aspas, e a letra E é a unidade onde está o pendrive no seu computador;

Deve aparecer a mensagem “bootcode was sucessfully updated on all targeted volumes.”

Agora você pode fechar esta janela que foi aberta (a do bootsect, NÃO A DO USB_PREP8), e pode também fechar a janela do PeToUSB.

Volte para a janela do USB_PRE8 e você deve ver uma tela como a que é mostrada abaixo:

Windows Xp no EEE

Neste ponto, o usuário deve informar dados para os números 1, 2 e 3.

Digite 1 e tecle enter. Esta opção pede para que o usuário informe o diretório onde estão os arquivos do CD de Instalação do Windows Xp Service Pack 2 (ou superior).

Ao digitar 1 e teclar enter, a tela mudará para…
Windows Xp no EEE

… juntamente com esta outra tela, que será aberta automaticamente…

Windows Xp no EEE

… para que o usuário mostre o diretório onde estão os arquivos do XP (quer seja um cd-rom ou mesmo uma pasta no computador). É só informar, clicando na pasta para selecioná-la!

Ao selecionar a devida pasta e clicar em OK, o programa volta para a tela do MS-DOS do USB_PREP8.cmd. Repare que a opção 1 agora tem um diretório entre colchetes:

Continuando, tecle 2, para preenchimento das informações da segunda opção (Mudar o diretório do drive virtual, onde a imagem será criada antes de ser transferida para o pendrive).

Qualquer letra poderá ser utilizada, desde que não coincida com uma letra de unidade que já exista. O programa já sugere a letra T e o usuário pode deixar ela mesmo, desde que não tenha um drive T: em seu computador. Se tiver que mudar, DIGITE APENAS A LETRA, SEM OS DOIS PONTOS e tecle ENTER.

No passo seguinte, o passo 3, o usuário informará a letra do pendrive. Tecle 3 e digite apenas a letra, como mostrado na tela abaixo:

Windows Xp no EEE

… digitando a letra, tecle ENTER…

Neste ponto, estamos prontos para criar o Pendrive de Boot com Windows XP Service Pack 2. Agora, basta digitar a opção 4 e o processo será iniciado.

Vai parar em uma tela como mostrada abaixo:

Windows Xp no EEE

Pedindo para o usuário confirmar a formatação do disco virtual que informamos anteriormente. Pode teclar S e ENTER. Será criado o arquivo de imagem “tempimage.img” (algo em torno de 1 gigabyte).

Passados alguns segundos (ou um tempo maior, dependendo da velocidade do seu computador), a tela mudará para…

Windows Xp no EEE

Aqui é esperado um ENTER do usuário, para que o processo de cópia dos arquivos para a imagem temporária seja iniciado, como visto abaixo:

Windows Xp no EEE

Quando a cópia terminar, vai parar em uma tela pedindo um ENTER:

Após teclar ENTER, vai rolar algumas linhas de texto na tela, e então mostrará:

Windows Xp no EEE

Aqui ele está avisando que a cópia dos arquivos no pendrive deve levar, aproximadamente, 15 minutos. Cliquemos em SIM.

Copiando os arquivos no pendrive propriamente dito:

Windows Xp no EEE

Passados os 15 minutos (ou até um pouco mais), será vista a tela:

Windows Xp no EEE

Esta tela pergunta se o usuário gostaria que o pendrive fosse um drive de boot nomeado como U:.

Clique em SIM.

Aparecerá a tela:

Windows Xp no EEE

Ela pergunta se o usuário deseja desmontar o drive virtual. Clique em SIM.

Voltamos para o MS-DOS do USB_PREP8…

Windows Xp no EEE

Pressione qualquer tecla para continuar e o programa avisa que será finalizado. Tecle novamente qualquer tecla e fechará a tela do USB_PREP8.

Pronto! Seu pendrive de boot do Windows XP foi criado com sucesso!

Lembrando que, se o usuário efetuou todas estas etapas utilizando um CD do Windows XP sem Service Pack ou com SP1, o processo será feito normalmente mas o usuário receberá telas azuis de erros quando for executar o processo de instalação do windows. Para ter sucesso, tem que ser SP2 ou superior.

A partir de agora, o que deve ser feito é:

- Colocar o pendrive no computador;

- Reiniciar o micro (ou ligar, caso esteja desligado);

- Entrar no setup da BIOS e definir o REMOVABLE DRIVE como sendo o dispositivo de boot preferencial (No Asus EEE 900, basta selecionar removable drive e ir teclando em + no teclado. Ele vai subindo até que fique no primeiro);

- Salvar e esperar ele dar boot pelo pendrive;

- Ao aparecer a tela de opções de inicialização, deve ser escolhida a opção 2 (Setup em modo texto).

Deste ponto em diante, o processo é igual a qualquer instalação normal do Windows XP. Não remova o pendrive do computador até que o desktop do Windows XP apareça na tela do seu EEE PC.

Ao concluir a instalação do XP, utilize o DVD pedido na etapa 3 do início desde tutorial para instalar os drivers, como faria com um PC  (estes arquivos podem, também,  ser obtidos pela internet, no site do fabricante do seu netbook. Depois é só copiar em pendrive e instalar normalmente no windows);

Os procedimentos foram testados em um ASUS EEE PC 900 (Celeron M 900Mhz, Memória Ram DDR2 de 1GB e HD de 20GB), contudo, devem funcionar perfeitamente em outros modelos, até mesmo na instalação do Windows em Computadores Desktop.

Tenha a sua distro Linux em um pen drive USB com UNetbootin

Para quem quer levar o Linux no bolso ou facilitar a instalação do sistema operacional em máquinas sem drive de DVD (como muitos modelos de netbooks), o utilitário UnetBootin é a solução mais simples.

Ele é compatível com trinta distribuições de Linux, incluindo Ubuntu, Debian, Mandriva, entre outras. Também monta pen drives com FreeBSD, OpenBSD e NetBSD. A maneira mais rápida de usar o UnetBootin é abrir a imagem ISO do CD de instalação do sistema operacional desejado, mas o programa também pode fazer o download desses dados automaticamente. No entanto, esse recurso deve ser evitado, já que, com os arquivões de imagens de CD, podem ocorrer problemas ou interrupções durante o download.

Depois de abrir a imagem do CD, basta escolher o disco relativo ao pen drive e clicar em OK. Sim, é só isso. Ao final da cópia, o pen drive está prontinho para rodar o sistema operacional escolhido a partir do boot da máquina.

Algumas das distribuições listadas pelo UnetBootin servem para fins específicos, como a Parted Magic, que carrega um particionador de discos, ou a Super Grub Disk, para instalar um gerenciador de boot para os sistemas operacionais no HD.

Para fazer o download, acesse este link.

Microsoft diz que eliminará função que viabilizou vírus em pen drives

Um anúncio da Microsoft feito esta semana deve ter grande impacto nas pragas digitais. A função de AutoRun, usada por vírus para se autoexecutar quando um dispositivo USB é conectado, será eliminada já no próximo Release Candidate (RC) do Windows 7. Apenas CD-ROMs manterão o recurso. O Windows XP e o Vista deverão receber uma atualização de segurança para se comportarem da mesma maneira que o Windows 7. 

Também esta semana: Adobe confirma falha dia zero no Reader, falha do Chrome pode ser explorada pelo Internet Explorer. 

Se você tem alguma dúvida sobre segurança da informação (antivírus, invasões, cibercrime, roubo de dados, etc), vá até o fim da reportagem e deixe-a na seção de comentários. A coluna responde perguntas deixadas por leitores todas as quartas-feiras. 

>>>> Windows 7 trará fim do Autorun; XP e Vista serão atualizados 
A Microsoft anunciou esta semana, por meio de seus blogs especializados em segurança, que o próximo Release Candidate do Windows 7 deve chegar sem o recurso de execução automática conhecido como autorun. O AutoRun é responsável por abrir automaticamente programas presentes em qualquer tipo de mídia (CD, pen drive, discos rígidos) assim que forem conectadas. Por isso, viabilizou o uso de pen drives como meio de disseminação de pragas digitais. 

Foto: Reprodução

Configurações de AutoRun do Vista são superiores às do XP, mas o sistema ainda pode sofrer com pragas em pen drives. (Foto: Reprodução)

O AutoRun teve grande importância em meados da década 90. Quando CD-ROMs começaram a proliferar, ele permitia que os discos – contendo aplicativos, jogos e enciclopédias – interagissem com o sistema assim que fossem inseridos. Não era mais preciso navegar dentro da unidade e executar o programa de instalação manualmente. 

O Windows 7 virá com o AutoRun desativado para todas as mídias exceto CD-ROMs. A justificativa para a manutenção do recurso em CDs e DVDs é a incapacidade de vírus conseguirem gravar dados, e portanto se propagar, nestas mídias. O mesmo comportamento deverá ser configurado no Windows XP e Vista por meio de uma atualização de segurança. 

Embora seja possível para um vírus se espalhar por meio de pen drives da maneira tradicional – infectando ou criando programas no dispositivo –, o autorun permite que as pragas forcem a própria execução assim que o pen drive é conectado. Como a maioria das pessoas não sabe quando está ou não em posse de uma mídia infectada, códigos maliciosos desse tipo tiveram um êxito considerável. 

Conficker, que ganhou grande atenção da mídia por mudar seu comportamento no dia primeiro de abril, faz uso do AutoRun em pen drives e discos externos para se espalhar, além dos ataques na rede. É a praga mais conhecida que utiliza esse meio para se propagar, e foi inclusive mencionada pela Microsoft para justificar a mudança. 

Na década de 90 era comum a disseminação de vírus por disquetes. Conforme a mídia foi morrendo, igualmente foram as pragas digitais que dela se aproveitavam. O CD-R e o DVD-R, por não serem facilmente graváveis, não foram usados por códigos maliciosos. Somente a popularização dos pen drives trouxe de volta as dores de cabeça com vírus em mídias físicas.

Conheça o Slax

SLAX é uma distribuição Linux baseada em Slackware Linux. É um Live CD, podendo ser executada sem instalação no disco rígido – ou mesmo em um computador sem disco rígido. Ele pode ser executado pelo CD, por um drive USB ou pela memória RAM – o que libera o drive de CD para outros usos. SLAX Standard e Kill Bill usam o KDE como seu ambiente de desktop, enquanto o Popcorn usa Xfce. O FluxBox é uma opção em todas as versões exceto Frodo.

A versão atual estável do SLAX é a v 6.0.9 que tem cerca de 191Mb, sendo que se pode escolher para adicionar dentre 27 módulos de linguagens, incluindo o português do Brasil.

Abaixo, um how-to em inglês, mostrando como instalar o SLAX em um pen-drive:

Site Slax

O perigo do USB em empresas

 

Um dos serviços mais solicitados pelo mercado corporativo atualmente é o de auditoria. É bastante óbvio que, com a maior facilidade de comunicação proporcionada pela internet, o vazamento de informações poderia ser maior. Mas o buraco é mais embaixo. Mais precisamente na entrada USB.

Sabe aquele inocente pendrive de um funcionário que circula por computadores de um escritório? Ele fatalmente vai parar no PC doméstico do seu dono e, daí para vazar para o mundo, basta um clique.

E o roubo de notebooks? Um caso recente e famoso foi o da Petrobrás, que pensaram até se tratar de espionagem ou conspiração internacional. E não foi? Bom, isso é com a Polícia Federal.

De qualquer forma, os dispositivos de armazenamento com memória flash (incluindo aqui aquele mp3 player de procedência duvidosa) são tão capazes de transportar informação de um ambiente seguro para fora quanto qualquer e-mail era há algum tempo. A diferença é que hoje se dá pouca importância para a porta USB como ralo de vazamento. E depois, para remediar, é bem mais caro – e complicado.

É preciso conscientizar o próprio funcionário sobre os riscos do vazamento de informações. Com a prática de levar trabalho para casa cada vez mais em uso, é bom ter cuidado redobrado. Existem técnicas que protegem sua empresa de ocorrências do tipo, baseadas em tecnologias utilizadas no FBI. Pesquise e experimente.

Fonte: PCMAG

** Vale consultar o POST sobre bloqueio de Pen-drives em Corporações através de VbScript ou GPO.

Vírus em Pen-Drive – BV: AutoRun-G [Wrm]

 Ultimamente, tenho percebido muitas pessoas, aonde quer que eu vá, que adquiriram vírus em seu Pen-drive.

Muitos nem ligam tanto, pois realmente acham que não há solução para isso, mas o problema é que a máquina em que o pen-drive é utilizado, se torna uma espécie de “hospedeira” para alastrar o vírus à outros pen-drives que forem conectados à ela posteriormente.

Este vírus Reciclador / BV: AutoRun-G [Wrm], é muito desagradável e, às vezes nem uma formatação do pen-drive resolve o problema. Vários softwares anti-vírus conseguem identificá-lo, mas ainda não vi nenhum que fosse capaz de removê-lo.

Depois de muita pesquisa na Internet. finalmente consegui resolver o problema. Basta seguir os seguintes passos:

1. Baixar Flash desinfecção e salvar em seu Computador.

2. Clicar 2x e ele irá pedir para inserir unidade flash USB e clique em OK.  

3. Ao clicar em OK irá ocultar todos os ícones de seu Desktop, não se preocupe, isso é normal.

4. Vai corrigir o autorun.inf vírus e você é feito parcialmente.

Sim, isso é uma solução parcial, ele irá bloquear o arquivo autorun e você verá alguns arquivos criados pelo flash desinfecção. Se você remover o arquivo, o vírus será novamente activado.

Pode ser que alguma futura atualização de nossos softwares antivírus tragam uma solução completa para este mal.